Atlas Copco Rental: ar comprimido
16 de maio, às 15h00, na Universidade do Algarve

Já se inscreveu? I Conferência Técnica do Abacate decorre já na próxima semana

09/05/2023

A Universidade do Algarve recebe já no próximo dia 16 de maio a I Conferência Técnica do Abacate, que reúne vários especialistas num evento que se assume como um ponto de encontro para mostrar como Portugal está posicionado no setor, ao mesmo tempo que analisa os futuros desafios nesta área. O evento é organizado pela revista Agriterra e pela Trops, uma referência mundial na produção de abacate e manga.

Imagen
Se até 2013 existiam 300 hectares de abacateiros plantados, este número aumentou seis vezes até 2019, chegando a atingir os 2.600 hectares no final de 2021. Destes, mais de 90% estão no Algarve. Daí esta ter sido a região eleita para acolher, no próximo dia 16 de maio na Universidade do Algarve, a I Conferência Técnica do Abacate.
Oradores ligados à produção e investigação vão reunir-se para discutir o mercado português do abacate e a sua projeção internacional, as particularidades do cultivo do abacate e a sua viabilidade no Algarve, soluções para combater o stress abiótico ou como reduzir o consumo de água na produção de abacates. Destaque ainda para a polinização assistida e as vantagens do abacate clonal.
O Grande Auditório da Universidade do Algarve será o cenário para as empresas se encontrarem com produtores, gestores técnicos, agrónomos, gestores de cooperativas e investigadores de uma zona que atualmente monopoliza o cultivo do abacate.

O programa inclui ainda uma palestra sobre fungos aéreos no abacate (prevenção e consequências), a importância do controlo nutricional do abacate e quais as vantagens do processamento de alta pressão (HPP) para produtos de abacate: maior prazo de validade e qualidade superior.

O programa termina com uma mesa redonda para analisar o futuro da produção de abacate e em que vão estar presentes Carlos Martins, produtor de abacate, Gonçalo Santos Andrade, presidente da Portugal Fresh, Filipe Ferreira, vice-presidente da direção da Federação Nacional das Organizações de Produtores de Frutas e Hortícolas (FNOP), Hugo Melita, managing partner na Global Avocados e Tomás Melo Gouveia, produtor de abacate.

Junte-se a nós e inscreva-se gratuitamente AQUI

- Induglobal ( Grupo Interempresas )