Atlas Copco Rental: 24/7 ar comprimido

I Edição dos Prémios Novoperfil - Janelas Eficientes premeia setor

14/10/2022

Os vencedores dos Prémios Novoperfil - Janelas Eficientes foram conhecidos ao final da tarde desta quinta-feira, 13 de outubro, numa cerimónia que teve lugar na Concreta – Feira de Arquitetura, Construção, Design e Engenharia.

foto
Vencedores da primeira edição dos Prémios Novoperfil - Janelas Eficientes 2022.
Os galardões foram entregues numa cerimónia que decorreu durante o VI Encontro Nacional da ANFAJE.

Foram entregues 6 galardões, a saber:

Prémios Empresas - atribuídos a empresas aderentes ao CLASSE+, contemplando três categorias, de acordo com o tipo de adesão CLASSE+ das empresas candidatas:

  • Prémio Grandes e Médias Empresas - Caixiave
  • Prémio Pequenas Empresas - Norinoveperfil
  • Prémio Excelência:

- Vidro - Vitropor

- Perfil - Kommerling

Prémios Projetos - atribuídos aos projetos de construção ou reabilitação que integrem vãos envidraçados, e que se destaquem pelo seu desempenho em duas diferentes categorias:

  • Inovação - Caixiave
  • Sustentabilidade – Boavista Windows

O júri decidiu também atribuir 6 menções honrosas em algumas categorias. Foram elas:

  • Grandes e Médias Empresas: Eurocaixilho, Carvalho&Mota e Caixiplás
  • Empresas – Excelência – Perfil: Rehau
  • Projetos – Inovação: Carvalho&Mota
  • Projetos – Sustentabilidade: Luís Pires Santos Vidros e Caixilharia, Lda.

Antes da entrega dos prémios, tiveram lugar algumas intervenções, nomeadamente de Bruno Veloso, Vice-Presidente da ADENE, de Diogo Gomes, Coordenador do Conselho Estratégico da ANFAJE e de Ana Clara, Diretora da Revista Novoperfil.

A importância destes Prémios

Bruno Veloso, Vice-Presidente da ADENE, começou por agradecer à Revista Novoperfil “o amável convite para aqui estar hoje” na I edição da entrega dos Prémios Janelas Eficientes. “Agradeço igualmente à ANFAJE também pelo apoio nesta iniciativa e, por último, um especial agradecimento a todas as empresas que se candidataram a esta iniciativa”, realçou. Veja um excerto da intervenção.

O responsável relembrou que a “ADENE tem como missão de desenvolver atividades que visam a transição energética, em particular nas áreas da energia, eficiência energética e hídrica e mobilidade eficiente. Daí que ganhe relevo a colaboração da ADENE nesta importante entrega de prémios que visa distinguir, no caso em concreto, as 'Grandes e Médias Empresas' fabricantes de janelas aderentes ao sistema CLASSE+”.

“Como sabem, o CLASSE+, é o sistema de etiquetagem energética de produtos, atualmente projetado para as Janelas, que atua no eixo da eficiência energética. A nossa missão com o CLASSE+ é clara: aumentar a eficiência energética da envolvente dos edifícios, onde se concentra 60% do consumo energético associado aos edifícios, e ao mesmo tempo, permitir, através da etiqueta, que o consumidor faça uma escolha informada das janelas mais eficientes, que promovem o conforto, a eficiência e a poupança”, acrescentou Bruno Veloso.

Referiu que se trata de um instrumento da ADENE que permite que o setor das janelas alinhe as suas ações com as metas com as quais Portugal se comprometeu, nomeadamente a nível do Plano Nacional Energia e Clima 2030 (PNEC), que prevê a redução entre 45% e 55% as emissões de gases com efeito de estufa do País, mas também com as metas do Roteiro para a Neutralidade Carbónica 2050, que vai permitir a Portugal atingir a neutralidade carbónica até 2050.

Face a este importante contributo das janelas eficientes, como elemento fundamental para fomentar a eficiência energética e a descarbonização do parque edificado nacional, “em nome da ADENE, louvamos esta iniciativa que promove o reconhecimento das boas práticas e dos projetos mais inovadores nesta área”.

foto

Bruno Veloso, Vice-Presidente da ADENE, Ana Clara, Diretora da Revista Novoperfil, e Diogo Gomes, Coordenador do Conselho Estratégico da ANFAJE, nas suas intervenções antes da entrega de prémios. 

Na sua intervenção, Ana Clara, Diretora da Revista Novoperfil, fez um resumo sucinto dos Prémios e realçou igualmente a importância dos mesmos para o mercado das janelas eficientes. “Gostava de dizer que é um orgulho imenso poder ver que uma revista que nasceu há 2 anos em Portugal, exatamente um mês depois de ter eclodido uma pandemia em Portugal e no Mundo, teve não só um crescimento notável no mercado editorial português, como tem ajudado, e muito, o setor da envolvente do edifício! Para nós, na Novoperfil, é um orgulho imenso poder estar aqui hoje a premiar empresas e projetos do setor que se distinguem pelo seu compromisso inovador, sustentável e também social”, disse.

A Diretora da Novoperfil agradeceu ainda a todas as empresas que se candidataram e ao júri destes prémios, "decisivo e incansável", e com "um inestimável contribuito" para a iniciativa. 

Diogo Gomes, Coordenador do Conselho Estratégico da ANFAJE, agradeceu, na sua intervenção, antes da entrega de prémios, a todas as entidades envolvidas nesta iniciativa, parebenizando igualmente os vencedores e realçando também a importância destas distinções. Veja a intervenção.

Recorde-se que os Prémios Novoperfil – Janelas Eficientes contam com a organização da Revista Novoperfil, com o apoio da ADENE – Agência para a Energia, no âmbito da sua iniciativa Sistema de Etiquetagem Energética de Produtos CLASSE+ e da Associação Nacional dos Fabricantes de Janelas Eficientes (ANFAJE).

Leia a reportagem completa sobre a entrega de prémios na próxima edição impressa da revista Novoperfil.

Saiba tudo sobre esta primeira edição aqui.

foto
O setor da envolvente do edifício reunido na Concreta, no Encontro Nacional da ANFAJE, e que marcou presença na entrega de prémios Novoperfil.

Objetivos dos Prémios

  • Dinamizar o setor das Janelas Eficientes, dando a conhecer projetos inovadores e sustentáveis;
  • Fomentar o envolvimento das empresas do setor das Janelas Eficientes em projetos que promovam a Eficiência Energética de edifícios;
  • Sensibilizar o consumidor para a importância da janela como elemento da envolvente do edifício com potencial de melhoria da eficiência energética do edifício;
  • Difundir a etiqueta energética de produtos CLASSE+, dedicada à classificação de produtos da envolvente e já estabelecida para as janelas, como elemento de esclarecimento do consumidor em matéria de eficiência;
  • Distinguir empresas e as suas boas práticas que se destaquem pelo seu compromisso com a Eficiência Energética e projetos que se diferenciem pelo seu caráter de inovação e sustentabilidade.

- Induglobal ( Grupo Interempresas )